Vantagens do pessimismo

25/10/2015 13:43

"A crença de que os seres humanos podem prever o futuro ou controlá-lo segundo suas própria conveniências não deveria ter sobrevivido a uma leitura atenta da Ilíada, e menos ainda do Antigo Testamento."

"O tema da insensatez coletiva da humanidade não é novo, e você poderá questionar se existe algo a ser acrescentado à grande pesquisa que o poeta escocês Mackay publicou em 1852, intitulada Extraordinary Popular Delusions and the Madness of Crouds (Ilusões Populares Extraordinária e a Loucura das Massas). O estudo de Mackay sobre profecias, superstições, caça às bruxas e cruzadas é um lembrete sombrio de que todas as coisas que ele sarcasticamente descreve continuaram a ocorrer, desde que seu livro foi publicado, com a mesma frequência e com efeitos piores. Mackay achava que a humanidade tinha finalmente entrado num período de conhecimento científico, em que as multidões se permitiriam ser corrigidas pelos especialistas que, no passado, elas haviam preferido queimar nas fogueiras. Nada poderia estar mais longe da verdade. Os grandes movimentos de massa do comunismo, do nazismo e do fascismo, em que falsas esperanças acabaram se transformando em exércitos em marcha, ainda não haviam aparecido na linha do horizonte."

 

Roger Scruton, As vantagens do pessimismo e o perigo da falsa esperança


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!