Saber pelo saber

15/10/2019 17:11

"Há fatores históricos por trás dessas anomalias do saber. O trabalho fragmentado da produção moderna sonega cada vez mais a íntegra do conhecimento técnico à maior parte dos trabalhadores. O saber está hoje sob domínio impessoal dos meios institucionais de acumulação do conhecimento, que separaram quem trabalha de quem sabe como e por que o trabalho é daquele jeito. Essas alterações no âmbito da produção disseminaram uma concepção hierárquica do conhecimento com base no privilegiamento da utilidade e da lucratividade. Minimizaram a relevância social e histórica do saber pelo saber, fundamento do conhecimento erudito, como a ciência e a arte. Na contrapartida geraram as condições culturais e sociais de um novo senso comum, abundante e pobre que bloqueia o interesse pelos desafios da erudição." 

 

Artigo A ignorância moderna, de José de Souza Martins, sociólogo e professor, publicado no jornal Valor em 11/10/2019


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!