Coevolução

01/11/2020 00:01

“No entanto, uma espécie não é nada sem todas as relações que a ligam ecologicamente às outras. Podemos definir a coevolução como mudanças biológicas – dos genes aos comportamentos, passando pela fisiologia e pela anatomia – de uma espécie em relação a outras. Uma espécie não evolui sozinha e sim segundo uma tessitura de interações que passam por todas as formas de competição, de ajuda mútua, de parasitismo, de mutualismo, de predação etc. O processo coevolutivo intervém entre os indivíduos de uma mesma espécie – competição sexual – e entre espécies, qualquer que seja a proximidade filogenética (aliás, uma espécie tende a eliminar as espécies mais próximas devido a capacidades adaptativas similares e caso elas não tenham tido tempo de se diferenciar ecologicamente ; o que aconteceu com as espécies mais próximas do homem e entre os homens)”.

 

Pascal Picq, A diversidade em perigo

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!